Notícias da CCR RodoNorte

Notícias

10/11/2021 | Obras

CCR RodoNorte encerra contrato com 245 kms duplicados nas rodovias do Paraná

Trecho liberado nesta semana é na região do Alto do Amparo, em Tibagi, entre os kms 426 e 421

Trecho liberado nesta semana é na região do Alto do Amparo, em Tibagi, entre os kms 426 e 421

Fonte: Produtora Box/CCR RodoNorte)

Trecho liberado nesta semana é na região do Alto do Amparo, em Tibagi, entre os kms 426 e 421

Trecho liberado nesta semana é na região do Alto do Amparo, em Tibagi, entre os kms 426 e 421

Fonte: Produtora Box/CCR RodoNorte)

A concessionária CCR RodoNorte chegou, nesta semana, aos 245 quilômetros de duplicações entregues e liberadas ao tráfego nas rodovias paranaenses. O número foi atingido com a liberação de mais cinco quilômetros de duplicação na BR 376, entre Ponta Grossa e Apucarana; o novo trecho duplicado da histórica Rodovia do Café é entre os kms 426 e 421, na região do Alto do Amparo, em Tibagi.

As mais de duas centenas de quilômetros duplicados pela CCR RodoNorte no Paraná estão na própria BR 376, com trechos de duplicação que passam pelos municípios de Ponta Grossa, Tibagi, Imbaú, Ortigueira, Mauá da Serra, Marilândia do Sul, Califórnia e Apucarana, além da duplicação de trechos da PR 151 ao longo das cidades de Castro, Piraí do Sul e Jaguariaíva. Só em 2021, foram quase 42 quilômetros duplicados apenas na Rodovia do Café.

 

“Em um momento tão desafiador para todos, durante a pandemia da Covid-19, conseguimos manter 16 frentes simultâneas de obras em sete cidades e, além dos novos acessos, trincheiras e viadutos, avançamos significativamente em nossas obras de duplicação. O resultado está em rodovias importantíssimas para a economia do Paraná preparadas para o futuro e ainda mais seguras”, resume Thais Caroline Borges, diretora-presidente da CCR RodoNorte.

 

Falando em obras para além das duplicações, a CCR RodoNorte realizou a reconstrução total de todo o trecho sob concessão e ainda entregou 63 novas obras ovos viadutos, trincheiras, pontes, interseções e passarelas nos municípios ao longo das rodovias cuidadas pela companhia; só no trecho liberado nesta semana em Tibagi, por exemplo, foram quatro novas pontes construídas ao longo dos cinco quilômetros. Considerando apenas este ano, a CCR RodoNorte construiu novas interseções em Ponta Grossa (Av. Souza Naves, Contorno Leste e Acesso Secundário), Piraí do Sul, Castro e Campo Largo (Jd. Guarany e Cercadinho).

 

Mesmo com o ciclo de duplicações concluído pela concessionária, as equipes da CCR RodoNorte seguem trabalhando intensamente até às 23h59 do dia 27 de novembro: juntamente com os serviços 24 horas por dia aos clientes, como atendimentos mecânico e pré-hospitalar, dentre outros, os times de manutenção, conservação e engenharia trabalham para garantir a qualidade de todas as rodovias sob concessão em sua ‘entrega’ ao Estado do Paraná.

 

Consulte as condições de tráfego

Antes de pegar a estrada ou mesmo em trânsito pelas rodovias cuidadas pela CCR RodoNorte, o cliente pode também consultar as condições de tráfego pelo site www.rodonorte.com.br

 

A concessionária CCR RodoNorte chegou, nesta semana, aos 245 quilômetros de duplicações entregues e liberadas ao tráfego nas rodovias paranaenses. O número foi atingido com a liberação de mais cinco quilômetros de duplicação na BR 376, entre Ponta Grossa e Apucarana; o novo trecho duplicado da histórica Rodovia do Café é entre os kms 426 e 421, na região do Alto do Amparo, em Tibagi.

 

As mais de duas centenas de quilômetros duplicados pela CCR RodoNorte no Paraná estão na própria BR 376, com trechos de duplicação que passam pelos municípios de Ponta Grossa, Tibagi, Imbaú, Ortigueira, Mauá da Serra, Marilândia do Sul, Califórnia e Apucarana, além da duplicação de trechos da PR 151 ao longo das cidades de Castro, Piraí do Sul e Jaguariaíva. Só em 2021, foram quase 42 quilômetros duplicados apenas na Rodovia do Café.

 

“Em um momento tão desafiador para todos, durante a pandemia da Covid-19, conseguimos manter 16 frentes simultâneas de obras em sete cidades e, além dos novos acessos, trincheiras e viadutos, avançamos significativamente em nossas obras de duplicação. O resultado está em rodovias importantíssimas para a economia do Paraná preparadas para o futuro e ainda mais seguras”, resume Thais Caroline Borges, diretora-presidente da CCR RodoNorte.

 

Falando em obras para além das duplicações, a CCR RodoNorte realizou a reconstrução total de todo o trecho sob concessão e ainda entregou 63 novas obras ovos viadutos, trincheiras, pontes, interseções e passarelas nos municípios ao longo das rodovias cuidadas pela companhia; só no trecho liberado nesta semana em Tibagi, por exemplo, foram quatro novas pontes construídas ao longo dos cinco quilômetros. Considerando apenas este ano, a CCR RodoNorte construiu novas interseções em Ponta Grossa (Av. Souza Naves, Contorno Leste e Acesso Secundário), Piraí do Sul, Castro e Campo Largo (Jd. Guarany e Cercadinho).

 

Mesmo com o ciclo de duplicações concluído pela concessionária, as equipes da CCR RodoNorte seguem trabalhando intensamente até às 23h59 do dia 27 de novembro: juntamente com os serviços 24 horas por dia aos clientes, como atendimentos mecânico e pré-hospitalar, dentre outros, os times de manutenção, conservação e engenharia trabalham para garantir a qualidade de todas as rodovias sob concessão em sua ‘entrega’ ao Estado do Paraná.

 

Consulte as condições de tráfego

Antes de pegar a estrada ou mesmo em trânsito pelas rodovias cuidadas pela CCR RodoNorte, o cliente pode também consultar as condições de tráfego pelo site www.rodonorte.com.br

 

Fonte: Assessoria de comunicação


Voltar